Terreiro de Umbanda do Pai Maneco, sexta-feira, 15 dezembro de 2017

A Bandeira da Amizade une terreiros de Curitiba e Região

Um encontro histórico aconteceu ontem (26) no Terreiro Pai Maneco. 27 pais e mães de santo de 23 terreiros de Curitiba e região metropolitana se reuniram, pela primeira vez, para discutirem vários assuntos sobre a religião.
Essa união é fruto da Bandeira da Amizade, que passou por todas essas casas e ainda passará por mais 15 até o final do ano, totalizando 52 em 2017.
Um dos objetivos do grupo é fortalecer a amizade entre os irmãos que dividem os mesmos valores pregados pela Umbanda, onde não tem sacrifícios de animais, cobrança pelos trabalhos realizados e a caridade está acima de tudo.
Definir a identidade e fortalecer a Umbanda foi o tema mais discutido nesse primeiro encontro. Para isso, algumas ações foram propostas e serão colocadas em pauta nas próximas reuniões.
Montar um calendário único, com as principais atividades culturais e festivas de cada casa, é uma ação que visa a união e a interação entre os umbandistas da capital e região metropolitana.
Também foi proposto discutir a organização de um grande trabalho para Iemanjá, no litoral paranaense, com todos os terreiros que compartilham da Bandeira da Amizade.
Assuntos ligados à segurança também serão discutidos e muitas ideias já foram apresentadas, como a criação do Aplicativo da Intolerância, onde denúncias poderão ser feitas em tempo real.
Também foi apresentado um Oficio que está sendo preparado, por integrantes do Pai Maneco, para ser entregue ao secretário de segurança pública. O documento explica sobre a religião e pede que a polícia aja com rigor quando houver crimes de intolerância nos terreiros do Estado. Esse ofício conta com assinatura de todos os presentes.
Para 2018, todos os participantes do encontro votam na permanência do trabalho da Bandeira da Amizade. Foi definido que a hierarquia, de todos os terreiros envolvidos também participem das visitas nas novas casas que irão receber a bandeira.
A Mãe Lucília de Iemanjá disse que o Pai Fernando de Ogum ficaria muito feliz em ver essa união.
 Serviço: http://bandeiradaamizade.com.br/

Bandeira da Amizade